Novas receitas

Nunca gostei de panelas antiaderentes, até encontrar esta

Nunca gostei de panelas antiaderentes, até encontrar esta

Minha frigideira sempre foi de ferro fundido, mas uma nova frigideira de cerâmica da GreenPan pode ter mudado isso.

Cada produto que apresentamos foi selecionado e revisado de forma independente por nossa equipe editorial. Se você fizer uma compra usando os links incluídos, podemos ganhar comissão.

A primeira refeição que preparei para a mulher que se tornou minha esposa foi um desastre. Eu a convidei e optei por fazer peixe enegrecido e abobrinha com curry.

A propósito, era isso - sem vinho, sem arroz, nada. Apenas peixe e pequenas moedas de abobrinha assada com curry em pó polvilhado sobre eles.

Comer de forma saudável ainda deve ser delicioso.

Assine nosso boletim diário para mais artigos excelentes e receitas saborosas e saudáveis.

Acho que não usei receita. Não sei se sabia o que era uma receita.

Mas eu pesquisei "peixe enegrecido" no Google e imprimi algumas instruções (isso foi anos antes do Pinterest), então eu sabia que a panela devia estar bem quente e o peixe tinha que passar muito pouco tempo nela, basicamente ficando grelhado no do lado de fora, para não cozinhar por muito tempo e ficar duro.

Isso é o que eu não sabia sobre como fazer peixes enegrecidos: você não deve começar com peixes congelados. Quando estava "pronto", ainda estava cru por dentro. Na verdade, as partes ainda estavam congeladas dentro. Minha futura esposa comeu corajosamente de qualquer maneira (e assim, caro leitor, é como eu soube que fomos feitos um para o outro).

Outra coisa que eu não sabia: você não deveria usar uma frigideira revestida de teflon. O Peixe fez tecnicamente acabou enegrecido, mas muito disso eram pedaços reais de teflon que haviam descascado e grudado no peixe. A propósito, as abobrinhas ficaram muito boas.

A frigideira, é claro, estava completamente arruinada. Eu joguei fora e levei a sério como uma frigideira antiaderente pode ser delicada e inútil.

Claro, é mais fácil cozinhar ovos em um, mas eles são temperamentais e facilmente danificados. Existem todos os tipos de coisas que você não pode fazer se quiser que durem: você não pode colocá-los na máquina de lavar louça. Você não pode usar utensílios de metal. Você não pode usá-los em aquecimentos extremos ou colocá-los no forno. E mesmo se você for cuidadoso, frequentemente terá que substituí-los a cada poucos anos.

É por isso que tenho preferido panelas burras, como aço ou (meu favorito), ferro fundido. As panelas de ferro fundido são incrivelmente resistentes.

Claro, eles precisam ser lavados à mão, mas mesmo se um acabar na máquina de lavar louça, não é muito problema simplesmente temperá-lo novamente. Eu tenho três - dois dos quais têm quase 100 anos - e sei que um dia poderei dá-los aos meus netos.

Ao longo dos anos, ouvi (e experimentei cozinhar) algumas inovações em tecnologia antiaderente - mas nada me convenceu a trazer uma para minha cozinha novamente.

Uma das inovações mais recentes foram as panelas revestidas de cerâmica - anunciadas como ecológicas. As primeiras iterações deles eram tão meticulosas quanto teflon - eles precisavam ser protegidos quando armazenados, não podiam ser aquecidos muito, etc. Eu dei uma olhada, conversei com alguns amigos que os possuíam e dei uma chance.

No entanto, um dos fabricantes de panelas, GreenPan, agora vende um produto chamado "GreenPan Diamond Clad" (vendido com exclusividade, por enquanto, na Sur La Table). O GreenPan chama isso de "revestimento reforçado com diamante" e o vende não apenas como adequado para lava-louças, mas também adequado para utensílios de metal, pronto para o forno e capaz de ser aquecido a 600 graus Fahrenheit.

Isso soou como uma panela de burro de carga que eu queria tentar. Então, estendi a mão e eles me enviaram um para testar.

Imediatamente comecei a tentar estragá-lo.

A primeira coisa que fiz foi alguns ovos fritos e uma omelete, só para ter uma base. Com certeza, como uma panela antiaderente nova em folha, funcionou como um encanto -Muito de melhor do que meu ferro fundido. Quase não precisei de óleo, e os ovos deslizaram direto para o prato quando terminaram.

Em seguida, comecei a abusar dele. Eu queimei alguns bifes em temperaturas superaltas (uma atualização no teste de peixe enegrecido), quase sem óleo. Fiz ovos mexidos, usando minha espátula de metal favorita para raspá-los na frigideira (e coloquei meu ombro na raspagem, só para ver).

Eu refoguei couves de Bruxelas. Assei um frango inteiro no forno (465, por uma hora) com algumas batatas.

O frango ficou perfeito e usei cerca de metade do óleo que costumo colocar nas batatas.

Basicamente, usei exatamente como uso minhas panelas de ferro fundido - com a única exceção de que, após cada refeição, eu jogava diretamente na máquina de lavar louça. Devo observar que colocá-lo na máquina de lavar parecia um exagero. Na maioria das vezes, algumas passagens com uma esponja com sabão eram suficientes para limpá-lo. Mas eu estava em uma missão.

Depois de duas semanas, examinei atentamente a coisa. O resultado? Bem, não era perfeito: há um pequeno recorte onde eu claramente fiquei um pouco entusiasmado demais, provavelmente enquanto desengordurava para obter um molho.

Como teste final, ontem de manhã fiz panquecas. Misturei a massa e comecei a fritá-los. No começo usei um pouco de óleo, mas rapidamente percebi que não precisava de óleo nenhum.

As panquecas ficaram perfeitas: assim que uma ficou dourada, ela soltou da frigideira e eu consegui deslizar uma espátula (de metal) para baixo e virá-la para cozinhar do outro lado.

Ainda é muito cedo, obviamente, para dizer por quanto tempo a frigideira vai aguentar, mas você pode me deixar impressionado. Não sei se poderei presentear meus netos, mas, dado o treino que fiz, estou disposto a apostar que durará de 5 a 10 anos se for bem cuidado.

Considerando que uma panela de 12 "com tampa custa atualmente cerca de US $ 99, isso equivale a US $ 10 a US $ 20 por ano. Não é um preço ruim para uma panela que reduz significativamente a necessidade de óleo de cozinha.

O resultado final: Não vou doar meu ferro fundido ainda. Mas esta é a frigideira antiaderente mais resistente que já vi e rapidamente encontrou um lugar regular na minha cozinha.


O antiaderente sempre me dá mais dor.

Na verdade, eu nem mesmo sei por que devo mantê-lo.

É por isso que geralmente não gosto de panelas antiaderentes. Você tem que ser muuuito cuidadoso para não arranhá-los e, apesar de todo esse cuidado gentil, seu desempenho antiaderente acaba em um período de tempo extremamente curto.

Eu & rsquom vou ter que ir comprar para mim uma segunda lata velha de muffin, eu acho. Eu & rsquove ganhei um pouco de dinheiro de aniversário que sobrou depois da minha compra de maconha, então & hellip.

(Não é um link de afiliado. É apenas o lugar onde comprei minha lata de muffins. Com dinheiro de aniversário. Leitores, estamos percebendo um padrão aqui? Aniversários = utensílios de cozinha para mim.)

Este site usa Akismet para reduzir o spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sexta-feira, 16 de março de 2018

use apenas um spray de cozinha antes de cada uso. Minhas panelas antiaderentes permaneceram totalmente antiaderentes apenas por alguns usos, então descobri que precisava usar spray de cozinha todas as vezes.

Domingo, 4 de fevereiro de 2018

Oh meu Deus, senhoras! Wms & amp Sonoma Gold Touch Bakeware é maravilhoso SE você simplesmente seguir as instruções. Você não deveria untá-los !!

NUNCA unte ou borrife-os e eles servirão ao propósito desde o primeiro dia. No minuto em que você os unta, o spray reveste a cerâmica protetora e, com o tempo, tudo que você colocar neles irá aderir.

Você já notou aquele revestimento marrom que simplesmente não sai? Thaat está assado na gosma. ECA .

Como você se livra das panelas? Pensei nisso outro dia em referência ao seu novo pote também. Tenho algumas panelas velhas em mau estado a ponto de não acho que alguém as queira. Mas me sinto culpado apenas por jogá-los fora. Parece que deveria haver uma maneira melhor de descartá-los.

Sábado, 21 de junho de 2014

Bem, eu dei meu velho pote de estoque no freecycle, então espero que alguém esteja usando-o agora.

Às vezes, também consigo encontrar outros usos para equipamentos de cozinha antigos. como mencionei neste post: https://www.thefrugalgirl.com/2013/03/repurposing-old-kitchen-items/, o antigo forno holandês antiaderente do Sr. FG agora contém nossos brinquedos de construção magnéticos.

Eu faço muitos muffins para congelar para um café da manhã fácil, e tirá-los da frigideira sempre foi um problema para mim. Acabei de comprar uma lata de muffin de silicone e estou muito animada para experimentá-la!

Eu faço esses quase todo fim de semana eles são tão bons.

Este site usa Akismet para reduzir o spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Bem-vinda! I & rsquom Kristen e I & rsquom aqui para ajudá-lo a aprender a viver alegremente com menos. Estou tão feliz que você passou por aqui! Clique aqui para ler mais sobre mim.


Resumo da receita

  • 2 xícaras de água morna (110 graus F / 45 graus C)
  • Pacote de ½ (0,25 onça) de fermento seco ativo
  • 2 colheres de açúcar branco
  • 1 colher de sopa de óleo vegetal
  • 7 xícaras de farinha de pão
  • 1 colher de sopa de sal
  • 1 colher de sopa de açúcar branco
  • 3 colheres de sopa de sementes de papoula (opcional)

Em uma tigela grande, polvilhe o fermento sobre a água morna para amolecer mexa para dissolver. Adicione 2 colheres de sopa de açúcar, óleo, 6 xícaras de farinha e sal. Misture bem até que a massa se forme e saia das paredes da tigela. Vire a massa sobre um tabuleiro enfarinhado e sove, adicionando pequenas quantidades de farinha se necessário. A massa do bagel deve ser bem dura. Coloque o máximo de farinha que conseguir amassar confortavelmente. Sove até ficar homogêneo e elástico, 12-15 minutos.

Faça uma bola com a massa, coloque-a em uma tigela grande untada com óleo e vire para revestir. Cubra e deixe crescer até que uma impressão feita com seu dedo permaneça e não afunde na massa (cerca de uma hora).

Golpeie para baixo e corte em terços, e enrole cada pedaço entre as palmas das mãos em uma corda. Corte cada corda em 4 pedaços iguais e dê forma a bolas. Enrole a primeira bola em outra corda que seja cerca de 2 "mais longa que a largura da sua mão. Faça um anel com a massa, sobrepondo as pontas com cerca de 1/2" e selando as pontas rolando com a palma da mão no tabuleiro. Se a massa resistir a rolar, passe o dedo em uma gota de água. Coloque uniformemente os bagels em 2 assadeiras antiaderentes ou assadeiras levemente untadas com óleo. Cubra e deixe descansar até inchar, cerca de 20 minutos.

Enquanto os bagels são fermentados, encha uma panela de 4 litros com 2/3 de água fria, adicione 1 colher de sopa de açúcar e leve para ferver. Quando estiver pronto para cozinhar, coloque 2 ou 3 bagels de cada vez na água fervente e espere até que cresçam. Cozinhe por um total de 1 minuto, virando uma vez.

Com cuidado, retire cada bagel com uma escumadeira ou escumadeira. Drene momentaneamente. Transforme em um prato com cobertura, se desejar. Espalhe uniformemente os bagels em 2 assadeiras antiaderentes ou assadeiras levemente untadas com óleo.

Asse com vapor em um forno pré-aquecido a 500 graus F (260 graus C) até dourar bem, cerca de 20 minutos. Vire os bagels quando a parte de cima começar a dourar e continue assando até ficar pronto.


Vantagens das bandejas para tortas Whoopie vs. assadeiras regulares ou assadeiras para biscoitos

A maneira tradicional de fazer tortas de massa é assar as cascas do bolo em uma assadeira plana ou assadeira, o que cria o icônico formato de cúpula. Então, por que você deve considerar a compra de uma frigideira especial? Porque ajuda você a fazer essas delícias mais atraentes, mais saborosas e mais fáceis de comer.

  • Bolos mais bonitos: Assar as cascas de bolo de torta em assadeiras planas lhes dá aquela forma autêntica de concha em forma de cúpula. Mas eu sou um padeiro experiente e achamos muito difícil conseguir bolos pequenos e redondos de tamanho e formato uniformes, deixando cair ou espalhando a massa do bolo em assadeiras planas. Se você preferir ir por esse caminho, usar uma das colheres que eu recomendei abaixo para dividir e dar forma à massa lhe dará os melhores resultados.
  • Bolos uniformes: Como alternativa, o uso de forminhas para tortas torna mais fácil obter todos os bolos do mesmo tamanho, formato e profundidade. E embora eles não criem as tradicionais conchas em forma de cúpula, acho que tê-las todas organizadas e em formas e tamanhos perfeitamente uniformes é mais atraente do que ter cúpulas incompatíveis e / ou deformadas.
  • Bolos uniformemente úmidos e tenros (sem bordas finas e ressecadas): As cascas de bolo que eu costumava assar em assadeiras planas costumavam ter bordas finas e secas. Quando a massa é assada em uma assadeira plana ou assadeira, ela se espalha como assa, tornando as bordas dos bolos muito mais finas do que os centros, para que sequem quando os centros mais grossos estiverem prontos. A massa assada em forminhas de torta de massa assa com muito mais uniformidade porque as cavidades na forma evitam que a massa se espalhe nas bordas e se torne muito fina, permitindo que os bolos assem de forma úmida e macia por igual.
  • Tortas mais fáceis de comer: Embora seja verdade que mesmo bolos incompatíveis podem ser usados ​​para criar tortas de whoopie saborosas ensanduichadas em pares com recheio pegajoso à base de creme de marshmallow, as tortas resultantes são menos atraentes e mais difíceis de comer do que aquelas feitas com cascas de bolo simétricas e bem combinadas . É difícil manter o recheio entre bolos incompatíveis, e é mais difícil segurar uma torta de bolo cujo topo é maior do que o fundo (ou vice-versa).

O uso de panelas especiais com cavidades uniformes permite criar bolos redondos e agradáveis ​​de tamanhos, formatos e espessuras uniformes, o que faz uma grande diferença na aparência, no sabor e na facilidade de comer desses sanduíches recheados.


Panelas antiaderentes estão relacionadas a problemas graves de gravidez

A exposição a PFCs na gravidez tem sido associada a:

  • Maior risco de ter um bebê com baixo peso ao nascer
  • Desenvolvimento ósseo e orgânico prejudicado, resultando em menor circunferência abdominal, comprimento de nascimento e perímetro cefálico
  • Taxas mais altas de pré-eclâmpsia
  • Marcadores elevados de inflamação em mulheres grávidas
  • Função tireoidiana deprimida - tanto na mãe quanto no bebê. Observe que a saúde da tireoide prejudicada pode interferir no desenvolvimento do cérebro do bebê.
  • Desregulação endócrina, incluindo mudanças nos níveis de hormônios reprodutivos
  • Maior risco de dermatite atópica (eczema) na infância
  • Maior incidência de bronquite / pneumonia, infecção da garganta, pseudocrupo), infecção do ouvido e gripe gástrica / diarreia em bebês
  • Maior risco de hiperatividade, especialmente em bebês do sexo feminino
  • Habilidades motoras visuais na infância

Se isso parece assustador, é porque é.

Os efeitos nocivos dos PFCs não se limitam apenas às mulheres grávidas e seus bebês.

O C8 Health Project, que foi um grande esforço de monitoramento médico em resposta à contaminação da água potável com ácido perfluorooctanóico (C8) em West Virginia e Ohio (do descarte de águas residuais da fabricação de Teflon), é o maior estudo sobre os efeitos dos PFCs na saúde até o momento .

O Projeto de Saúde C8 começou em 2005 e publicou os resultados em 2012, que consistiu em uma pesquisa de saúde ( n = 69.030), teste de sangue para 10 PFCs e mais de 50 testes de laboratório ( n = 66,899).

Coletivamente, o C8 Health Project descobriu que os PFCs estão ligados a:

  • Câncer de testículo
  • Cancêr de rins
  • Colite ulcerativa
  • Doença da tireóide
  • Pré-eclâmpsia
  • Colesterol alto

Desde que esses resultados foram publicados, centenas de estudos adicionais confirmaram esses achados, mesmo quando a população do estudo vive do outro lado do globo. Por exemplo, um estudo com mulheres suecas encontrou uma ligação entre os níveis séricos de PFOA no início da gravidez e a pré-eclâmpsia (citação abaixo). Resultados semelhantes foram mostrados em um estudo da China.

O estudo da Suécia descobriu que concentrações mais altas de PFOA aumentaram significativamente o risco de pré-eclâmpsia:

“A duplicação da exposição a PFOS e PFNA, correspondendo a um aumento interquartil, foi associada a um risco aumentado de pré-eclâmpsia de cerca de 38-53%, respectivamente.” (Relatórios Científicos, 2019)


Qual tipo de bandeja antiaderente é a melhor?

Você pode pensar que o antiaderente de cerâmica é um acéfalo. É um material mais resistente que o PTFE, tem uma temperatura de decomposição mais alta (800F vs

500F) e, ao contrário do PTFE, contém menos produtos químicos tóxicos e possivelmente nenhum.

Mas não tão rápido: porque o PTFE é, na maioria dos casos, o produto superior.

O PTFE é frágil e tem uma vida útil curta. No entanto, o antiaderente de cerâmica tem, pela maioria das contas, um mesmo mais curta Algumas pessoas dizem que suas panelas perderam suas propriedades antiaderentes após apenas alguns usos (embora, neste extremo, você deve se perguntar se eles abusaram de suas panelas).

A cerâmica é ótima enquanto dura, mas pode não ser por muito tempo.

E embora a cerâmica seja mais dura, também é quebradiça, o que significa que lasca mais facilmente do que o PTFE.

Na verdade, se você quiser comprar panelas antiaderentes de última geração, há um grande número de opções de PTFE no mercado, incluindo as principais marcas (All-Clad, Calphalon, T-fal, Cuisinart, etc--tudo são PTFE). Existem apenas algumas opções de alta qualidade para antiaderentes de cerâmica (a linha Spirit mencionada por Zwilling J.A. Henckels, por exemplo).

Isso pode ser porque o PTFE é simplesmente melhor, ou pode ser porque os gigantes dos utensílios de cozinha investiram todos os seus ovos na cesta de PTFE. Mas permanece o fato de que a maioria das panelas antiaderentes de última geração é de PTFE. ("High-end" significa que a panela tem excelentes propriedades de aquecimento, alças e tampas duráveis, etc.)

Infelizmente, não há muitos topo panelas de cerâmica reforçadas com titânio de qualidade no mercado. Existem várias marcas por aí, como Gotham Steel e Michelangelo, mas a qualidade não é grande, então a TRK não pode recomendá-las. E embora seja inteligente comprar na ponta mais baixa do mercado quando se trata de panelas antiaderentes, panelas mal feitas serão horríveis de usar e não contribuirão para sua qualidade de vida ou para o seu prazer na cozinha.

Portanto, mesmo que você não consiga obter uma vida útil antiaderente mais longa, você deve estar disposto a pagar um pouco mais para panelas que não deformam, têm melhores propriedades de aquecimento, melhores cabos e pequenos extras que tornam os utensílios de cozinha uma alegria de usar.

Os poucos dólares a mais que você gasta por uma marca de qualidade é dinheiro bem gasto. (E na maioria dos casos, realmente não é que muito mais.)

Se há uma falta de opções de cerâmica reforçada com titânio é porque o mercado é muito novo, porque o titânio não adiciona muito às panelas de cerâmica ou porque os grandes fabricantes simplesmente ainda não entraram no marketing de utensílios de cerâmica, nós não saber. Mas se você quiser um antiaderente de cerâmica, sua melhor aposta é se ater ao Spirit. Legend saudável. ou Panela Verde, todas de alta qualidade.

Se você escolher a cerâmica, sua melhor aposta é Zwilling Spirit, Healthy Legend ou GreenPan. (Leia mais sobre eles na seção de revisão.)


  • 1/4 c. aneto
  • 1/4 c. cebolinha
  • 1 lb (2 pacotes de 8 onças) de cream cheese amolecido
  • 3 colheres de sopa Hellman & aposs ou BestFoods de maionese - não use Miracle Whip
  • 1/2 colher de chá de leite, se necessário
  • 2 pães grandes, de estilo rústico, pão multi-grão não picado
  • 4 a 5 dúzias de flores frescas orgânicas de amor-perfeito *
  • Folhas de ervas **
  1. Em uma tigela, adicione o endro, a cebolinha e 3 colheres de sopa de maionese ao cream cheese e misture até ficar homogêneo. Se a mistura ficar muito grossa, adicione um pouco de leite 1/2 colher de chá de cada vez, até a consistência desejada.
  2. Apare as cascas do pão e corte-o em fatias. Podem ser substituídos por biscoitos integrais de 1/3 de polegada de espessura.
  3. Corte as fatias em quadrados grandes ou retângulos de cerca de 3 & quotx3 & quot para os quadrados e para os retângulos de cerca de 2 & quotx 4 & quot polegadas. (Basta dividir e cortar cada fatia de pão em pedaços iguais da largura do pão.)
  4. Espalhe a mistura de cream cheese no pão, aproximadamente 1 colher de sopa por quadrado, e arrume os quadrados em assadeiras.
  5. Cubra-os levemente com filme plástico e leve à geladeira até que estejam prontos para decorar.
  6. Lave as flores e ervas com cuidado e seque-as suavemente em papel toalha. Coloque-os sobre toalhas de papel úmidas e cubra com filme plástico. Leve à geladeira até a hora de usar, mas não por mais de algumas horas ou eles irão murchar.
  7. Decore cada quadrado de canapés com um amor-perfeito, outra ou duas flores comestíveis e uma ou duas folhas de erva.
  8. Cubra novamente os canapés & # xE8s com filme plástico e leve à geladeira até a hora de servir. Não prepare mais de 2 horas antes ou as flores murcham e o pão fica encharcado.
  9. Coloque um guardanapo de papel em bandejas decorativas, coloque canap & # xE8s na bandeja. Coloque flores comestíveis ao redor dos canapés & # xE8s para uma aparência festiva e sirva.
  10. Notas:
  11. * Outras flores comestíveis podem ser combinadas, como flores de cebolinha, capuchinha, viola, joaninha, borragem, brócolis, pétalas de rosa, feijão vermelho, flores de sálvia e florzinhas de endro e erva-doce
  12. ** Folhas de ervas como salsa, qualquer variedade de hortelã, endro, erva-doce, qualquer variedade de manjericão, manjerona, orégano, estragão, tomilho e qualquer variedade de folhas de salva.


Inoxidável vs. antiaderente

OK. Deixe-me ficar com isso. Qual você prefere e por quê? Marcas específicas que não são extremamente caras ajudariam.

Acho que SS é mais útil na cozinha do que NS. Praticamente a única coisa para a qual ESCOLHO NS (SE eu não tivesse minha frigideira LC à mão) é cozinhar ovos (tenho uma frigideira NS de queimador duplo que uso apenas quando a família DH & # 39s vem para o brunch). Você tem que ser muito legal com o NS, não lavar na máquina, não usar utensílios afiados ou de metal nele e não superaquecer ou você estragará sua frigideira. SS você pode tratar mal e ele resistirá. Além disso, imo é superior a NS para dourar carnes e criar o fond que você precisa para molhos, molhos, etc., (embora eu tenha ouvido que Scanpan está à altura da tarefa, mas nunca usei um). Em vários fóruns, tenho ouvido pessoas elogiarem as linhas SS e NS de Costco & # 39s, e elas não são & quothugly caras - talvez dê uma olhada nelas?

Clicar em irá recomendar este comentário a outras pessoas.

Eu tenho uma e apenas uma frigideira antiaderente, uma frigideira rasa para cozinhar ovos. O antiaderente não suporta altas temperaturas, a maioria dos tipos de produtos de limpeza fortes ou qualquer coisa abrasiva. Eventualmente, ele irá descascar da panela, não importa o quão delicadamente você o trate, e irá descascar no que quer que você esteja cozinhando.

Junte-se à conversa! Inscreva-se para comentar postagens e comentários de usuários

Eu também pensei isso até comprar uma forma antiaderente da marca Swiss Diamond. Ele lida com altas temperaturas bem, marrons lindamente e é mais seguro para 500 graus. Diz que é seguro para utensílios de metal, mas eu me apeguei aos não metálicos apenas para maximizar a longevidade - embora tenha um garauntee vitalício. Após 6 meses de uso, as panelas ainda parecem praticamente novas. Comprei a frigideira 12,5, que vem com uma tampa de vidro em forma de cúpula. O botão da tampa tem um controle deslizante que permite controlar a quantidade de vapor que deve sair, para que também possa ser usado para assar. Gostei tanto dessa assadeira que também comprei uma assadeira 10 & quot para ovos e tal. Hoje em dia, encontro-me usando essas duas panelas para 90% do meu cozimento. Meu núcleo de cobre All-Clad 11 & quot e a frigideira Mauveil raramente saem da gaveta agora. As panelas Swiss Diamond custam bem menos do que as outras duas. Eu comprei a panela 12,5 & quot por cerca de US $ 80 durante uma venda de 10% em toda a loja em uma loja de utensílios de cozinha local. O melhor de tudo é que, como a frigideira usa cristais de diamante por suas propriedades antiaderentes, ela não tem os problemas de saúde do Teflon - sem mencionar os problemas de formação de bolhas e descascamento.

& quotMelhor de tudo, uma vez que a frigideira usa cristais de diamante por suas propriedades antiaderentes, ela não tem os problemas de saúde do Teflon - sem mencionar os problemas de formação de bolhas e descascamento. & quot;

O diamante suíço usa PTFE - teflon - como qualquer outra bandeja & quotnon-stick & quot. Não é possível usar o termo & quotnon-stick & quot sem usar PTFE. . não estou dizendo que SD não é uma ótima frigideira - apenas que, se você tiver canários, não aqueça a frigideira até 500F.

Do site: & quotO segredo por trás desta tecnologia avançada de utensílios de cozinha é o resultado da combinação de cristais de diamante - o material mais duro conhecido pelo homem - com um nano composto antiaderente para formar uma superfície de cozimento antiaderente praticamente indestrutível. & Quot

Veja o site A Cook & # 39s Ware para mais informações (também uma ótima página para o operador ou qualquer outra pessoa para comparar todas as panelas):
http://www.cookswares.com/discussions.

Aqui está uma citação deles:
As bandejas de diamante suíço são produzidas de forma semelhante, exceto que são reforçadas com diamante. Partículas de diamante reais e fundidas à panela e PTFE aplicados. O resultado é que as frigideiras antiaderentes Swiss Diamond são virtualmente indestrutíveis. Além disso, o diamante conduz o calor com mais eficiência do que qualquer outro meio, até mesmo o cobre. Portanto, sempre renderá uma transferência de calor ideal.

Eu sugiro um conjunto inoxidável - é muito mais fácil de cuidar e limpar, e é tão durável! Mesmo com uma frigideira, se você aquecê-la bem primeiro, não terá problemas para grudar. Basta adicionar uma frigideira antiaderente 12 & quot ao conjunto.

Foodstorm está certo em que você não pode realmente fazer um OU outro. NS é imbatível para ovos e alimentos delicados, mas é inútil para carnes grelhadas ou salteados. Compre uma boa bandeja de aço inoxidável revestida - Calphalon & # 39s tri-ply é decente se você não quiser pagar por All-Clad - e compre uma bandeja NS de alumínio pesado de 10 ou 12 polegadas em uma loja de suprimentos para restaurantes. Comprei o meu em Nova York por US $ 22. Não importa as reivindicações do fabricante, o revestimento NS desgasta depois de um tempo. Por US $ 22, eu poderia substituí-lo anualmente, se necessário.

Eu nunca usei SS e já passei por algumas panelas NS. todos descamaram e perderam a não aderência. E aqui estou, considerando SS. Então me lembro que encontrei uma frigideira excelente e não cara. com minha frigideira de ferro fundido. Fica muito quente, sempre libera e limpa bem. Eu gosto de manter as coisas simples.

SS é melhor para molho e panelas de forno holandês, fácil de limpar e levar ao calor. Eu tenho todo revestido, basta olhar para um núcleo de alumínio pesado todo o lado e ss por dentro e por fora, eu tenho um Anolon saucier como esse que é fantástico e custa muito menos do que todo revestido. O NS é necessário na frigideira de omelete e tem muito uso, atualmente, para minha família, o mais imprtant é 12 ”, mas também temos 10 e 8 frigideiras NS. Alumínio anodizado pesado também tem seu lugar, Calphalon é o mais conhecido, eu tenho sua wok de fundo plano e a assadeira, li sua literatura, a carmelização e a durabilidade são características fantásticas. A propósito, não pensei que gostaria de tampas de vidro, mas acho que são muito boas. As frigideiras laterais retas de 3 e 4 qt são um tossup, NS ou SS, eu tenho ambos e teria problemas para fazer sem ambos.

Inoxidável. Eu tenho um monte Trate-o bem e ele durará mais do que você - e ele * não * será um utensílio de cozinha prima donna. TJ Maxx, muito Farberware. Por ser tão popular, às vezes você pode comprar Farberware em excelentes condições em brechós. Pegue pelo menos um pote coberto com um fundo bem grosso.

Depois que os Jfoods refizeram a cozinha, vários anos atrás, passei um bom tempo no ebay e em todas as lojas da internet procurando pechinchas no Calphalon. Nunca paguei mais do que 35% do varejo em qualquer p & ampp. Demorou cerca de 14 meses, mas não comprei nenhum em 5 anos desde então. Tenho NS e anonizado e cada um tem um lugar na minha rotina. Claro que o mais fácil é NS para ovos. Eu tenho uma frigideira NS Calph de queimador único para pequenos b & # 39fasts jfood, ótimo para 2 mais fácil, presunto e torradas. Outra extremidade do espectro é meu forno holandês anonizado 7,5 Calph. Paguei $ 39 (perto de $ 200 no varejo) e é a minha resposta para La Creuset (muito pesado e caro). Minhas panelas preferidas são 2 panelas de 10 & quot NS sarteusse (sic). Eu tenho um com duas alças & quotU & quot e uma com uma alça real. Gosto muito mais deste último, não fico louco com as duas citações & quotU & quot; Para o meu novo método favorito de peixe (grelhar e assar), eu uso uma frigideira Calph NS oblonga, cabe bem um filé de peixe e pode ir direto ao forno para a etapa 2. E sim, eu cozinho em NS, apesar de todos os mensagens afirmando o contrário. Para refogar eu uso 10 & quot Calph NS e adoro.

OTOH, para ferver água para macarrão eu uso meu farberware de 20 anos. Aquece muuuuito mais rápido do que o Calph. E, por último, para os ovos cozidos, eu tenho uma panela branca, e apenas panelas brancas são boas para ovos cozidos. Outros podem discordar e isso é bom para eles, mas eu acho que ovos cozidos em não-claras dão um sabor de lata aos ovos.


Popovers

Se os ovos e o leite estiverem frios, antes de combiná-los, mergulhe os ovos inteiros em água morna por 10 minutos e aqueça o leite até aquecer. Pré-aqueça o forno a 450 graus com uma assadeira antiaderente na prateleira na posição mais baixa.

Depois de combinar os ovos e o leite em uma tigela grande, bata até formar uma espuma bem cremosa. Isso deve levar apenas cerca de 1 minuto. Tenha a farinha e o sal medidos e prontos para uso.

Adicione a farinha e o sal à mistura dos ovos. Testamos um liquidificador e uma batedeira elétrica ao fazer a massa, mas concluímos que mexer com a mão produz os popovers mais macios e arejados.

Bata a farinha e o sal na mistura de ovo apenas até a massa ficar com a consistência de creme de leite com alguns pequenos pedaços restantes. Vê aquelas bolhas de ar? São eles que farão com que os popovers subam.

Retire a assadeira popover do forno e unte com spray de cozinha. Se preferir uma forma de muffin padrão, cubra (e recheie) apenas as xícaras externas para que circulem melhor no forno. (Além disso, reduza o tempo de cozimento em 5 minutos.)

Encha os copos popover com cerca de três quartos de massa. Asse por 20 minutos e, em seguida, reduza a temperatura do forno para 350 graus. Continue a assar até dourar e secar ao toque, cerca de 20 minutos mais.

Os papagaios perdem a crocância se permanecerem na frigideira, por isso coloque-os numa grelha imediatamente e faça uma pequena abertura na lateral de cada um com uma faca para deixar o vapor escapar. Sirva imediatamente.


Nunca gostei de frigideiras antiaderentes, até encontrar esta - receitas

Vou editar isso à medida que avançar e criar um link para ele na barra lateral. OK? OK.

Os vegetais devem ser muito macios. Sim, algumas pessoas cozinham cenouras por quatro horas. Na minha experiência, isso não foi necessário. Eu cozinho grandes quantidades de cenouras baby geralmente por uma hora, 90 minutos no máximo. Eu os examino com uma faca de manteiga. Se eu conseguir fatiar facilmente um com uma faca de manteiga enquanto ele flutua na água fervente, está pronto.

SOPA DE FRANGO (principalmente de BTVC, OVO GRÁTIS)

Pernas e coxas de frango, cerca de 4 libras ou mais
Dez cenouras descascadas ou 1-2 libras de cenouras infantis
1-2 cebolas
5-6 dentes de alho
4-5 talos de aipo

Pegue uma panela grande e encha-a até a metade com as partes de frango. Adicione cenouras descascadas ou baby, cebola picada, dentes de alho e aipo. Encha a panela com água até quase cobrir o conteúdo da panela, mas não porque mais água vai cozinhar no início.

Tampe e cozinhe por 4 horas. Você precisará verificar e adicionar mais água enquanto cozinha. Tire a carne dos ossos e jogue fora a cebola, o alho e o aipo no estágio um, porque você não pode comê-los. No estágio dois, você pode deixar o alho, mas ainda tem que jogar fora as outras coisas.

Depois de fazer a sopa dessa forma, acrescentei uma colher de chá de sal marinho e uma colher de chá de sálvia. Na próxima vez, tentarei adicionar a sálvia com antecedência, mas os temperos meio que desaparecem quando você cozinha algo por quatro horas, então não tenho certeza se fará diferença. Acabei com muito mais frango do que o necessário, então separei um pouco para usar na salada de frango no final da semana.

MAIONESE SEGURA COM OVOS BRANCOS PASTEURIZADOS

1/4 xícara de clara de ovo (clara de ovo APENAS na caixa)
1/2 colher de chá de mostarda moída
1/2 colher de chá de sal
1 colher de sopa de vinagre
3/4 xícara de óleo (aproximado)
protetores de ouvido (você pode me agradecer mais tarde)

Despeje a clara do ovo, a mostarda moída, o sal e o vinagre no liquidificador. Coloque seus protetores de ouvido. Ligue o liquidificador para ALTO e comece a adicionar o óleo lentamente. Quão devagar? Adicione-o a uma velocidade onde você acha que possivelmente nunca vai acabar com a maionese.

Continue adicionando aos poucos, até que a mistura comece a emulsionar. Se você olhar para dentro, no começo você conseguirá enxergar bem no fundo do liquidificador. Olhar para a lâmina é meio assustador, então desvie o olhar de vez em quando.

Você notará uma diferença no som quando a maionese começar a se aglomerar. Continue adicionando o óleo lentamente até que ele se aglomere a ponto de você não conseguir mais ver a lâmina - ou, se puder, será intermitente.

Então pare o liquidificador e você terá maionese! Maionese segura! Maionese livre de germes!

Eu dupliquei com sucesso esta receita no liquidificador, e agora é a única maneira que vou fazer.

Keeps for a week in the fridge, as long as you always dip into it with clean utensils. Safety first!
**************

1 1/2 cups well cooked baby carrots (water squeezed out, seriously)
4 ovos
1 tsp SCD legal vanilla
1 tsp cinnamon (you should test this as a food)
4 tsp honey (optional)
1/4 colher de chá de sal marinho

Mash up the carrots with the other ingredients until it's as smooth as you'd like, or you can puree it. Fry in a skillet with a small amount of oil.

2 cups pureed fruit or veggies (water squeezed out, seriously)
4 ovos
4 tsp oil (coconut was recommended I used olive)
1 tsp vanilla
1 tsp cinnamon
4 tsp honey (optional)
1/4 colher de chá de sal marinho

Misture junto. Put in muffin tins with liners.

Bake at 400 for about 30 minutes. Makes 12.

BANANA PANCAKES (multiple sources)

2 cans wild salmon, drained
5 eggs
1 tbsp lemon juice or vinegar

Mix, fry. It's not the best recipe, but it's OK when you have nothing else on hand. :)


The Best Non-Toxic Nonstick Pans + How to Use Them Safely

As knowledge grows about PFOAS and other forever chemicals in cookware, I get asked what my favorite non-toxic non-stick pans are all the time.Working as a private chef and teaching in people’s homes is an on-going anthropological experience that never ceases to fascinate me.

I can’t tell you how many times a client will tell me that they only use organic produce and grass fed meats, but when I arrive to cook it, the only pan in their kitchen is a flimsy nonstick skillet that looks like it made contact with a very feral feline.

Most of us know by now that Teflon and other nonstick coatings made up of perfluorooctanoic (PFOA) or acidpolytetrafluoroetheylene (PTFE) are a big no-no for your health. According to the Environmental Working Group, chemicals in this family (PFC’s) can cause birth defects, abnormal thyroid levels, liver inflammation and weakened immune defenses, among other issues.

So if you’re going to spend money on organic vegetables and grass-fed meat, does it make sense to go home and cook it on something that is just as toxic as pesticides? Mmm…better not.

As awareness has grown about the carcinogenic effects of PFOA, it’s been removed from many nonstick products on the market. But as the demand for safer options grows, so too does the second danger: “green” products that are no better than their chemical cousins.

The subject of nonstick cookware has been a huge challenge for me as a chef. I try to use it as little as possible in my own kitchen. But the fact of the matter is that there are some things you just can’t do as well without that freakish water-resistant surface. After all, I have better things to do with my time than spend the afternoon scraping congealed egg off my cast iron skillet.

Unfortunately, as I feared, many of the new “eco” models out there just don’t function as well as some of their toxic predecessors (many of them manufactured by brands who have been making cookware, toxic or otherwise, for years). Cooks Illustrated did one of their amazing hyper-anal evaluations of these pans and found that many of the ones I’d seen raved over on wellness blogs did not perform. And the ones that did turned out to be not much cleaner than generic alternatives. (Sigh of exasperation emoji).

So as someone who spends more time than most in the kitchen, and cares a lot about the quality of what comes out of there, but also has an autoimmune disease that’s forced me to put the kibosh on unnecessary chemicals, I thought it was high time I gave you my healthy hedonist take on this clean kitchen conundrum.

Read on for the best non-toxic nonstick pans, what to look for when shopping for clean cookware, and most importantly, how to USE these products in the safest and most delicious ways once home.

From one healthy egg-scrambling hedonist, to another,

NON-TOXIC COOKWARE MATERIALS

First let’s establish the safest materials that you should feel good about purchasing for your kitchen:

Cast Iron
Stainless Steel
Ceramic (available as solid cookware, or as a nonstick coating)
Glass (used mostly for bakeware)
Silicone (seen in non-stick friendly utensils, and as a new “green” nonstick coating for pans)

This list goes for any cookware, not just high-heat non-stick skillets. Terracotta and clay are also great materials for baking and fit the general philosophy that any material that’s been used for centuries of culinary delights, before convenience took the wheel of our consumer culture, are probably a safe bet for today.

As for the baddies, let’s take them one-by-one:

PFOA: This is the most notorious ingredient that put Teflon on the wellness angry heat map. It’s carcinogenic when under the duress of high temperatures, which one might think would be problematic for using in, um, cookware. Due to mounting concerns, the main manufacturer agreed to phase out this chemical by 2015. But many others in the PFC family still exist, and can be found in water resistant outerwear, stain-resistant carpets (and cleaners), fast food wrappers, popcorn microwave bags, among other sneaky places.

PTFE: A cousin chemical to the above, and also used in Teflon and other nonstick coatings. According to EWG, the issue of this chemical flaking into your food is a secondary concern to what it does to the air around you. When placed over a high flame, the coating begins to breakdown and emit such toxic fumes that they’ve been known to kill pet birds in the vicinity (poor Polly!). Humans experience flu-like symptoms from exposure.

Aluminum: While the flecks themselves might be innocuous, tearing nonstick coating does create a secondary problem: the small matter of what lies beneath them. That material is often aluminum. Back in 1970, researchers found a connection between the aluminum in our diet (mostly from canned food) and the development of Alzheimer’s disease. Like any heavy metal, aluminum slowly builds in your body. So small daily doses do eventually add up. Outside the kitchen, I’ve begun limiting my exposure by switching to natural toothpaste and deodorant, since many contain aluminum.

In the kitchen, I buy aluminum-free baking powder and don’t drink bubbly water or soda out of a can (though, how this stacks up to plastic bottles in the grand scheme of things, I don’t know). To mitigate the issue for cookware, manufacturers have created a new process of “anodized aluminum” which is said to be nontoxic and heat resistant. But some aluminum does still leach into the food, even if it’s less.

I still use aluminum baking sheets, but I’ll always cover them in parchment paper rather than have the food in direct contact (as does my pal Pamela). This is also just plain easier for cleanup, and if I’m being honest, this practice began more from laziness than for my health. Aluminum foil tears easily, so it’s not great for lining pans that you don’t want to get messy. I still use it for a few things, like roasting beets, but otherwise, parchment all the way.

THE BEST NON TOXIC NON STICK COOKWARE BRANDS


When I was researching nonstick pans, I weighed the options across the following healthy hedonism criteria: functionality, affordability, and toxicity. Unfortunately, there’s always some give and take across the board in these areas. And at the end of the day, I’m not sure it’s worth throwing out all your old nonstick pans. It’s just a matter of using them in a safer way. Scroll to the end of the post for what regular nonstick items I’ve kept in my home, and how I’ve avoided the worst effects of them.

Pros: I won’t beat around the bush and make you read to the end of the article to give you my verdict. These multipurpose cast iron skillets (and Dutch ovens) are the best bang for your buck, and what I use for the majority of my stovetop operations. Salty Southern grandmothers have been using these products for generations. When cared for properly, they develop a seasoned patina that is naturally nonstick. And the good news is, they actually leach something good into your diet: ferro! My favorite is the 15-inch for roasts, frittatas and searing protein. It also doubles as a casserole or paella pan. I keep a smaller one on hand for frying eggs, which requires a level of heat that I’m not comfortable using on any nonstick, no matter how green the claim.

Cons: Some people find these pans annoying to clean since you can’t use soap. But once you get used to the seasoning process, your food will taste so much better for it. Here’s a little how-to I wrote in the early days of the blog. People talk about how you shouldn’t use high acid ingredients like tomatoes on cast iron since it messes with the PH and will give you a metallic flavor. I’ve honestly have never had this problem and have cooked a variety of things from this to this using tomatoes.

Pros: These Le Creuset pans are the high end, spiffed up version of the above. (Think Carrie Underwood in 2005, versus Carrie Underwood now.) Not only is the bottom coated in their signature enamel (in a variety of colors) but the cast iron cooktop uses a coating that makes it dishwasher safe (i.e. you can use soap).

Cons: While I love my Dutch oven, as far as nonstick skillets are concerned, I’m not sure the enameled versions are worth the upsell. I’ve found that these pans are better maintained when you treat them like true cast iron (skip the dishwasher, and rub with oil after each use). But if you can afford it, you’ll be very pleased! Most traditional nonstick skillets have plastic handles and aren’t made to go in the oven. Lodge and Le Creuset items can do it all, and will last a lifetime.

Pros: Similar to the Le Creuset, Staub uses enameled cast iron that can withstand soap. It tends to be slightly cheaper than Le Creuset, but with similar quality. I own the white fry pan and the perfect pan, which I use a TON as a wok for stir fries.

Cons: Like the Le Creuset, I find that my Staub pans behave better when I oil them and don’t use soap, similar to traditional cast iron natural coatings.

Pros: This new player on the scene makes thoughtfully designed non stick sets using ceramic coating. The four pans on offer retail for $395 together, which is on the higher end, but a great deal for the value. The set comes with a magnetized rack for easy storage and a canvas lid case that can be hung on a wall or inside a cabinet door. I’ve been using these pans now for 6 months in a very small kitchen and have been impressed. Not only does nothing stick to them, but the pans are oven safe as well up to 600 degrees F. If you want a lighter pan than traditional cast iron that can still go in the oven, this would be my pick. Plus, the color palette is fun and chic! I have the set in sage.

Cons: Like some of the other non stick options below the coating sits atop aluminum, which is why it’s still not recommended to use metal utensils with these pans.

Pros: Another new comer on the scene, this woman-owned business makes incredibly chic ceramic cast iron that is the best of all worlds. They are truly comparable in quality to Staub and Le Creuset, but half the price. I love the thoughtful features that are a welcome update on the old classics: handles that are large enough to grip with oven mitts (see image below), brass hardware, and a matte finish that you won’t find anywhere else. I had been seeing these pans advertised on instagram for months and finally decided to try the braiser in broccoli green. It’s a perfect size and shape, and really feels substantial / long lasting. I will also say that I love the bakeware! It’s really hard to find non-aluminum baking sheets and trays that are heavy-duty and good quality.

Cons: The braiser is quite heavy (which I like), but I know that bothers some people.

Pros: These professional-grade pans are on the more affordable side and definitely chef-approved for their cooking quality. They are made in Italy and therefore subject to Europe’s more stringent toxicity standards. The coating is a patented mineral-ceramic mix. I bought this pan for my mother-in-law for Christmas and she loves it.

Cons: Though their website says you can use metal utensils, since it’s an aluminum base, it’s not recommended.

GreenPan $$

Pros: I used these pans extensively at one of my client’s homes, and found them to be fairly easy to clean at the beginning. They got more brittle as time went on, which was a lot more noticeable on the tan surface than it would have been on one of the darker pans. The coating is ceramic, with anodized aluminum base, so the fact that it scratched was a little more worrisome. So far I have found the Caraway models much more durable and easier to clean.

Cons: Overall, I would have to agree with the CI assessment: the pans were great for sautéing but didn’t radiate enough heat to properly sear fish or steak. For a small omelet pan though, the 8-inch would work just fine.

Carbon steel is a perfect hybrid of a cast iron skillet and a stainless steel frying pan. It has a cast iron’s heat retention, seasoning, and non-stick properties and stainless steel’s heat control, lightness and cooking speed. For those who find cast iron too heavy, this is a great option. For those who want true nonstick without the need for any maintenance, go with something like Xtrema Ceramic Cookware $$

Pros: This is the one pan that actually might be as green as it says it is. No coating necessary, the Xtrema cookware is 100 percent solid ceramic. I included this pan on my list mainly because Katie raved about it, and because it’s the highest on the clean scale. I think the best product is this 10-inch braiser. It would work like a skillet, baking pan, or Dutch oven.

Cons: Unfortunately, one virtual glance at these pans and I was skeptical. They don’t look at all like normal skillets. The sides are too straight, more resembling a saucepan than something that would be easy to use for sautéing. Also, as even Katie noted, they break and chip easily, like any glass or ceramic products. But I think the biggest knock is that they’re expensive. If I’m going to be dropping this type of cash (quiche), I’d much rather just invest in a LeCreuset.

I should also note that Scanpan rated the highest in functionality across the board by both CI and The Wall Street Journal. But considering it uses PTFE still, I don’t think it’s worth spending $140 just to go from two toxins to one.

Healthy Hedonist Final Word:

There is really only one task that a nonstick cast iron skillet can’t perform well: scrambling eggs, or the extended version of that, making omelets. A second, is homemade veggie burgers, which tend to be very fragile. I use my large and small cast iron skillets for anything else—searing delicate fish, making frittatas, and pretty much everything in between. For those pesky eggs, I use the Caraway small skillet.

A scratched pan that has been begging you to replace it for years is one thing. But I wouldn’t worry about replacing your whole nonstick arsenal overnight. If you want the convenience of nonstick cooking for certain foods, there’s no point in switching to an alternative that’s just marginally safer, and might not give you the convenience you were after in the first place. The key is to use these pans less, and use them right. For a low and slow scramble on weekends, you’ll probably be fine using whatever you have. Avoid high heat and metal utensils though at all costs.

What do you use in the kitchen? Do you care more about functionality or toxicity? How do you weigh both? Would love to hear from you in the comments!

Need help finding lifestyle changes that last? Let’s work together to find your path forward. My 4 Weeks to Wellness Course might just change your life. With 4-weeks worth of recipes that are gluten, dairy, corn, soy and refined sugar free, not to mention tasty AF, it’s a perfect way to explore your food sensitivities and heal inner and outer chaos.